Em conduto ao COVID, a regulamentação de seguros permanece lucrativa


A pandemia do COVID-19 atingiu particularmente os orçamentos estaduais em 2020, com uma mistério de US$ 24,11 bilhões na prescrição tributária arrecadada em alistamento aos níveis de 2019. Contudo a estudo dos dados da Reunião Pátrio de Comissários de Seguros (NAIC) demonstra que a regulamentação de seguros permaneceu uma manadeira de prescrição lucrativa para os estados, gerando US$ 3,29 bilhões em superávits orçamentários nos 50 estados e no Região de Columbia, supra dos US$ 2,94 bilhões em 2019.

Segundo dados da Coligação dos Administradores Fiscais, a armazém totalidade de impostos dos estados caiu 2,2%, de US$ 1,090 trilhão em 2019 para US$ 1,066 trilhão em 2020, com Utah (mistério de 12,4%), Dakota do Setentrião (mistério de 12,8%) e Alasca (mistério de 26,0%) os mais atingidos. Ao todo, 31 estados e o Região de Columbia viram as receitas tributárias caírem, com a Califórnia sozinha caindo vertiginosamente US$ 16,27 bilhões.

Por outro fileira, o NAIC de 2020 Relatório de Recursos do Departamento de Seguros prova que os departamentos de seguros estaduais arrecadaram US$ 3,77 bilhões em taxas e avaliações regulatórias, único ampliação de 12,9% em alistamento aos US$ 3,34 bilhões em 2019. Combinados com os US$ 190,6 milhões em multas e penalidades arrecadadas pelos departamentos (aproximadamente estáveis ​​em alistamento a 2019) e US$ 1,07 bilhão de receitas diversas de “outras”, os departamentos de seguros estaduais geraram US$ 5,03 bilhões de prescrição totalidade, mais de três vezes os US$ 1,60 bilhão que realmente gastaram na regulamentação de seguros .

Esses US$ 3,43 bilhões de “superávit regulatório” (ampliação de 11,8% em alistamento aos US$ 3,07 bilhões em 2019) devem ser pesados ​​contra os US$ 140,8 milhões em fundos que os departamentos de seguros retiraram dos fundos gerais de seus estados, único ampliação de 5,4% em alistamento a 2019. Contudo mesmo após de diminuir desse totalidade, a regulamentação de seguros permaneceu único meio de ágio para os estados, com US$ 3,29 bilhões em receitas excedentes, único ampliação de 12,1% em alistamento aos US$ 2,94 bilhões em 2019.

Uno coagido por algum outro nome

As receitas arrecadadas pelos departamentos de seguros – sejam elas taxas e autuações, multas e penalidades, ou fundos de outras fontes – nunca devem ser confundidas com os impostos que os estados cobram a cerca de os prêmios de agarrado. Todos os estados cobram impostos a cerca de os prêmios emitidos incluído desse condição e a maioria igualmente ofídio impostos “retaliatórios”, cobrando das seguradoras de excepto do condição a contribuição estabelecida por seu condição de habitação se for maior do que a contribuição na competência onde o prêmio é emitido. A existência de impostos retaliatórios leva a maioria das seguradoras a habitar em jurisdições com impostos relativamente baixos. Os estados com as taxas de coagido premium efetivas mais altas e mais baixas em 2020 são exibidos no gráfico supra.

Os impostos de prêmio e de desforra são depositados no fundo comum de único condição, assim porquê outros impostos a cerca de vendas. O Kansas é uma exceção faccioso, a esse apreço, pois o Departamento de Seguros do Kansas conserva 1% dos impostos a cerca de prêmios arrecadados, que informa porquê “outras” receitas. Análogo demonstrado no gráfico inferior, os impostos premium têm sido uma manadeira de prescrição manente e amplamente à demonstração de recessão para os estados, crescendo 61,7% na última dezena, de US$ 14,82 bilhões em 2011 para US$ 23,97 bilhões em 2020.

Contudo, congénere assistido, as taxas e multas cobradas pelos departamentos de seguros excedem significativamente os valores estritamente necessários para alojar as atividades regulatórias. Em 2020, exclusivamente sete departamentos de seguros estaduais (Carolina do Setentrião, Arizona, Maryland, Havaí, Minnesota, Michigan e Tennessee) arrecadaram menos do que a concordância do que gastaram em regulamentação e o que receberam do fundo comum de seu condição. De veste, o prestígio totalidade que os estados gastaram na regulamentação de seguros em 2020 (US$ 1,36 bilhão) representou exclusivamente 31,8% das receitas que os reguladores de seguros levantaram.

O resto dos fundos – o denominado “sobra regulatório” – equivale a único coagido obducto a cerca de as seguradoras, que acaba sendo repassado aos consumidores na feitio de coberturas mais caras.

Seguindo o quantia

Os departamentos de seguros estaduais diferem na feitio porquê seus orçamentos são estruturados e o que acontece com os fundos arrecadados pelos reguladores. Uma garota maioria dos estados (27 no totalidade) emprega orçamentos “dedicados”, nos quais as receitas fluem para uma cômputo separada que é transportada de ano para ano. Se as receitas que entram na cômputo excederem o orçamento ajustado pela legislatura estadual para aquele ano, o restante é transferido para os anos futuros e pode ser usado para revestir futuras deficiências departamentais.

Em ensinamento, o mercê de único arrumação de financiamento devotado é condensar as flutuações cíclicas da prescrição. Por exemplo, único departamento pode cobrar grandes multas e penalidades que servem porquê único lucro incomparável. Por exemplo, o Texas informou que US$ 19,2 milhões dos US$ 67,6 milhões em multas e penalidades que o condição arrecadou em 2020 foram de uma única entidade, enquanto Vermont observou que único vasto negócio representou US$ 1,8 milhão dos US$ 2,2 milhões em multas relatadas.

Uno orçamento de financiamento devotado igualmente deve, teoricamente, serenar algum pobreza de único departamento abscindir despesas ou exigir fundos gerais do erário de único condição. Contudo, porquê ilustra a tábua inferior, existem algumas discrepâncias entre essa esclarecimento teórica e o desempenho dos departamentos com orçamentos dedicados no globo fidedigno.

Uma vez que é certo, a vasto maioria dos estados orçamentários dedicados – 24 dos 27 – arrecadaram mais receitas do que gastaram em regulamentação de seguros em cada único dos últimos cinco anos. Dois outros estados, Havaí e Michigan, registraram déficits em cada único dos últimos cinco anos. Unicamente Maine e Maryland realmente funcionaram porquê a esclarecimento teórica previa, apresentando déficits em alguns anos e superávits em outros.

Lá disso, em alguns casos, os excedentes são realmente enormes. O superávit reunido de US$ 2,81 bilhões em cinco anos gerado por Novidade York, ou o superávit de US$ 1,09 bilhão em cinco anos gerado velo Texas, nunca pode ser razoavelmente caracterizado porquê único “fundo de dias chuvosos” prudencial. Ambos os estados estão obviamente sobrecarregando as seguradoras e os produtores de seguros por taxas regulatórias e de licenciamento em uma numerário agigantado.

Igualmente enfraquecendo a esclarecimento teórica é que quatro dos estados com orçamentos dedicados aos departamentos de seguros, no entanto, igualmente receberam velo menos alguns fundos dos tesouros de seus estados nos últimos cinco anos, apesar de todos os quatro apresentarem superávits a cada ano. Dois desses departamentos receberam exclusivamente fundos gerais bem limitados, sem nenhum em 2020. (Oklahoma recebeu US$ 1,6 milhão em fundos gerais em 2016, porém nenhum nos últimos quatro anos. nos últimos três anos.)

A Califórnia, que muitas vezes retira uma garota fracção de seu orçamento anual do erário estadual, recebeu US$ 21,6 milhões em fundos gerais nos últimos cinco anos. O fidedigno outlier é a Carolina do Setentrião. Apesar de consignar único superávit estipulado de US$ 35,4 milhões nos últimos cinco anos, o departamento igualmente atraiu US$ 209,8 milhões em fundos gerais do condição no mesmo fase.

Unicamente 11 estados retiraram quaisquer fundos gerais de seus tesouros estaduais em 2020, porém eles vieram de todos os quatro tipos de orçamento identificados velo NAIC: devotado (aproximado supra), quase devotado (as receitas excedentes são depositadas anualmente na cômputo comum do condição) , comum (todos os fundos operacionais são alocados diretamente velo condição) e “concordância” (as regras orçamentárias do departamento empregam uma concordância de dois ou mais dos outros tipos).

Enquanto Mississippi e Dakota do Austral são os únicos estados que recebem 100% de seu financiamento do fundo comum, exclusivamente Mississippi é formalmente categorizado porquê único condição de “financiamento comum”, uma diferença entrou em pujança em 2017. taxas e autuações de empresas, a começar de 2020, nunca informa mais tais recursos, que são todos depositados na cômputo comum do condição.

Apesar da omissão do Mississippi em descrever as taxas regulatórias e as taxas que ofídio, para os 23 estados (e o Região de Colúmbia) que nunca empregam orçamentos dedicados, os superávits orçamentários gerados pela regulamentação de seguros servem ainda mais diretamente porquê único coagido. Os fundos excedentes são geralmente, porém nem incessantemente, depositados no erário do condição. Existem algumas exceções parciais. O Arkansas permite que o departamento carregue os fundos excedentes por único ano, porém entrega quaisquer excedentes ao fundo comum a cada dois anos. O Alasca e a Dakota do Setentrião permitem que seus departamentos transportem mais de US$ 1 milhão para o ano seguinte, com o resto transferido para o fundo comum.

Entre os estados sem fundos dedicados, exclusivamente o Arizona e o Tennessee gastaram mais em regulamentação de seguros do que geraram em receitas em 2020. Coletivamente, esse bando de jurisdições arrecadou US$ 2,87 bilhões em prescrição. Líquidos dos US$ 454,4 milhões que gastaram em regulamentação e dos US$ 83,5 milhões que retiraram em fundos gerais, esses estados tiveram único lucro inopinado reunido de US$ 2,33 bilhões com a regulamentação de seguros em 2020.

Aprimoramento

Aquém, listo os estados em método de superávit da regulamentação de seguros (receitas líquidas dos custos operacionais do departamento e quaisquer fundos gerais transferidos do erário estadual) expressos porquê uma porcentagem do orçamento departamental desse condição.

Tópicos
COVID-19
Legislação
Dano de ágio



Source link

Add a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado.

EnglishPortugueseSpanish